Programas de educação para vencer a crise

Educação: poderoso fator de diferenciação para profissionais e empresas

Não somente, mas especialmente em tempos de instabilidade econômica, a educação demonstra ser um poderoso fator de diferenciação para profissionais e empresas. Os profissionais devem buscar novos conhecimentos e qualificação para conseguirem destaque em meio a tantos concorrentes, enquanto as empresas têm uma grande responsabilidade em mãos: investir em capital humano – e assim aprimorar processos, serviços e produtos.



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

Crie o melhor conteúdo para seus treinamentos

Seleção de materiais, design, questões gramaticais: confira tudo aquilo que pode melhorar a experiência de aprendizado de seus colaboradores

Selecionamos dicas que irão deixar seus treinamentos muito mais interessantes e completos para “abastecer” o time e melhorar a performance organizacional. Ideias que vão desde a seleção do conteúdo a detalhes de diagramação. Confira e comece a revolução do conhecimento em sua empresa!



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

e-Learning: como criar cursos com uma abordagem pessoal

Saiba como desenvolver propostas de e-Learning com enfoque em necessidades e metas pessoais (centradas em um colaborador), mesmo trabalhando para um grande número de pessoas

Independentemente do tema de seu e-Learning, do objetivo a ser atingido e dos recursos que você irá utilizar para capacitar o time de colaboradores, o aprendizado deve ser uma jornada pessoal. Destacamos essa ideia no post "O que os colaboradores esperam dos games", ou seja, o conceito de que é possível que diferentes pessoas participem do mesmo jogo ou da mesma atividade de capacitação, porém, cada uma buscando seu próprio caminho para lidar com metas e desafios, de acordo com suas habilidades e desejos de superação; e reforçamos a mensagem no texto de hoje. Boa leitura!



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

Como promover seu novo programa de e-Learning

As competências de marketing em trabalhos de aprendizado tornam-se cada vez mais importantes para engajar colaboradores

Se todas as grandes marcas, mesmo sendo líderes em seus segmentos, continuam a fazer propaganda de seus produtos, por que não investir em marketing de aprendizado? É com essa pergunta que lançamos o tema do post de hoje. 

A partir do e-Learning, houve um aumento significativo no número de cursos e treinamentos, o que fez com que os usuários passassem a demandar informações mais detalhadas a respeito dos programas de aprendizado disponíveis (objetivos, vantagens, aplicações etc.). Dessa forma, as competências de marketing em trabalhos de aprendizado tornaram-se muito importantes e necessárias para engajar e encantar esses clientes internos e, com isso, estimulá-los a participar das iniciativas, bem como promover a cultura da alta performance dentro das organizações.




Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

O ensino a distância na prática

No e-Learning, o professor tem um papel parecido com o do roteirista e o do diretor de cinema. Se ele tem uma boa história (o conteúdo a ser ensinado), com algumas técnicas pode construir um bom filme ou um bom curso

Partindo do princípio de que o professor possui o conteúdo, antes de aplicá-lo em qualquer mídia eletrônica, é necessário conhecer alguns pontos importantes, entre eles o storyboard ou roteiro para cursos de educação a distância.

Para explicar melhor, podemos fazer uma analogia com o cinema: o professor assume o papel de roteirista e diretor do filme, tendo a responsabilidade de criar ou recriar um novo formato digital com base em uma versão presencial ou até mesmo literária que seja tão eficiente quanto a anterior.




Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

e-Learning: entenda o que você está fazendo de errado

Aprenda com todas as experiências e fique de olho no que pode ser aprimorado para a criação de seu próximo projeto

O desenvolvimento do primeiro curso em formato e-Learning ninguém esquece. Não se sabe ao certo por onde começar, que tipo de informação levantar. À medida que criamos novos materiais, tudo fica mais simples. Sabemos o que emplaca, a melhor linguagem a ser usada, quais elementos audiovisuais mais interessam à audiência. Entendemos, principalmente, que não basta contar com excelentes ferramentas de treinamento, é preciso aplicá-las de maneira correta, de acordo com a necessidade do negócio e do time. 

Aprendemos muito com a observação de erros passados (dos nossos e com os dos colegas da área). A troca de experiências é muito importante para qualquer profissional de treinamento. Dessa forma, transmitimos a você algumas experiências que devem ser abolidas de seus próximos projetos. Atente-se a elas e avance algumas casas no tabuleiro da alta performance sem correr o risco de colocar tudo a perder.




Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

e-Learning: como trabalhar com fóruns

Os fóruns melhoram a experiência de aprendizado porque estimulam a participação ativa do time

De acordo com estimativa da Organização das Nações Unidas (ONU), a internet chegará a 3,2 bi de usuários até o fim de 2015. Cada vez mais, as pessoas têm necessidade de se manterem conectadas, informadas, seja por portais de notícia, seja por redes sociais. E esse pode ser um grande gancho para o profissional de treinamento e desenvolvimento. Sabe como? Você pode aproveitar a oportunidade para envolver seus colaboradores e engajá-los a participar de seus treinamentos.



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

Desafios do e-Learning

Fique de olho naquilo que pode prejudicar sua estratégia de aprendizagem

 

Fazer uma boa análise do perfil dos colaboradores, levantar conteúdo para o desenvolvimento de cursos, suporte tecnológico, pensar na melhor forma de apresentação desse material: um programa de treinamento bem estruturado deve prever uma série de tarefas ou até obstáculos. Selecionamos os principais deles para que você coloque no topo de sua lista de preocupações. Tome nota e não negligencie esses aspectos importantes!

 

Leia mais...

Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

Perguntas que salvarão sua estratégia de aprendizagem

Confira tudo o que o profissional de treinamento precisa saber sobre sua audiência antes de elaborar um curso

De que adianta reunir conteúdo e criar um curso que ninguém tem interesse? Para não correr o risco de se debruçar em algo que não vai ter impacto sobre seus colaboradores, você deve antes entender o que eles estão pensando. 



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter