O que seus colaboradores mais gostam nos games mobile

É preciso estar atento aos interesses da audiência para compreender a melhor forma de transmitir os conhecimentos

Os dispositivos móveis são cada vez mais utilizados pelas empresas como “veículos” para o aprendizado, fornecendo de uma maneira flexível, dinâmica e prazerosa ao colaborador conteúdos relacionados ao seu universo corporativo. Quando somados aos jogos – e lembramos que a maior parte das pessoas já está acostumada a jogar por meio de dispositivos móveis –, tornam o processo de aprendizagem muito mais prático e divertido.



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

Gamification: três erros que podem ser evitados em seus treinamentos

Será mesmo que você está usando os games de forma correta?

Os games já viraram tema de pesquisas, reportagens, livros e são a mais nova iniciativa de treinamento e avaliação não apenas em multinacionais, mas em pequenas e médias empresas de diferentes segmentos. 

“Gamificar” está na moda! Brincadeiras à parte, o uso de ideias e mecânicas dos jogos em um contexto não diretamente relacionado com jogos – Gamificação (Gamification, em inglês) – engaja e proporciona interação entre colaboradores e empresa, transformando, de maneira divertida e descontraída, conceitos e experiências em simulações. 

No entanto, é comum algumas empresas darem tropeços e não usarem os games de maneira correta em seus programas de capacitação. Selecionamos três erros comuns, destacados pelo portal e-Learning Industry, para que você não acabe com uma estratégia de treinamento que tem tudo para ser bem-sucedida. Confira!



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

Transforme o aprendizado em algo divertido

Aposte em jogos para transmitir conhecimento e promover mudanças de comportamento

Independente de idade, formação, atividade, qualquer pessoa gosta de brincar ou jogar. Seja em um simples jogo de tabuleiro, seja no game mais high tech, a emoção do desafio, os novos caminhos em busca de soluções e as metas nos fazem experimentar uma nova maneira de aprender – explorando o sistema a fim de vencê-lo. 



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

Até quando sua empresa vai ficar sem games?

Empresas de diversos segmentos investem em alguma iniciativa baseada em jogos em busca de alta performance

Com a evolução do mercado e a velocidade do aprendizado, as organizações buscam novos caminhos para capacitar e desenvolver seus colaboradores. Um dos temas mais debatidos em seminários e congressos da área de Treinamento e Desenvolvimento (T&D) é justamente como tornar os treinamentos mais engajadores e interessantes para os participantes e, ao mesmo tempo, mais efetivos para os negócios, de maneira que melhorem resultados, reduzam custos, aumentem a performance, entre outros benefícios. 



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

Cinco benefícios dos games para o aprendizado

A Gamificação promove mudanças de comportamento e atende a diversas necessidades de aprendizado

Os games trabalham de forma criativa e descontraída os conceitos e as situações do dia a dia dos colaboradores. É uma forma diferenciada de entrar em contato com tarefas burocráticas ou totalmente novas e desafiadoras, desenvolvendo competências e podendo testar o que funciona ou não em um ambiente seguro.



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter