Meritocracia de verdade

Processos estruturados que vinculem a estratégia organizacional às operações diárias e contribuições do colaborador, bem como seus planos de carreira, devem ser considerados na estratégia de gestão do desempenho e meritocracia

Parece natural que as pessoas sejam promovidas de acordo com seus esforços e também com os resultados atingidos, mas nem sempre é isso que ocorre. Em algumas empresas, as promoções mais parecem um sonho distante, apenas para indicações ou para aqueles que acumulam anos na casa. Entretanto, para conquistar uma cultura de performance, cada vez mais organizações passam a investir em um modelo de negócio no qual a meritocracia ganha espaço.



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

10 razões para sua empresa investir em e-Learning


Neste artigo você encontra as 10 principais razões pelas quais você deve considerar investir em e-Learning corporativo, não importa o tamanho de sua equipe ou orçamento. Falaremos de como o e-Learning pode ajudar a reduzir os custos de treinamento e reduzir a rotatividade de funcionários.



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

Cultura de Alta Performance – Parte 6: Planejamento e Capacitação da Força de Trabalho


Para atingir elevados níveis de desempenho organizacional e humano, e assim apresentar o que chamamos de Cultura de Alta Performance, uma empresa precisa estar atenta a sete pontos fundamentais:

1) Liderança
2) Alinhamento aos Valores e à Cultura Organizacional
3) Objetivos bem definidos 
4) Métricas e Indicadores bem definidos
5) Execução
6) Planejamento e Capacitação da Força de Trabalho
7) Meritocracia

Neste artigo abordaremos o sexto ponto, o Planejamento e Capacitação da Força de Trabalho.





Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

Cultura de Alta Performance – Parte 5: Execução


Para atingir elevados níveis de desempenho organizacional e humano, e assim apresentar o que chamamos de Cultura de Alta Performance, uma empresa precisa estar atenta a sete pontos fundamentais:

1) Liderança
2) Alinhamento aos Valores e à Cultura Organizacional
3) Objetivos bem definidos 
4) Métricas e Indicadores bem definidos
5) Execução
6) Planejamento e Capacitação da Força de Trabalho
7) Meritocracia

Neste artigo abordaremos o quinto deles, a Execução.





Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

Cultura de Alta Performance – Parte 4: Métricas e Indicadores bem definidos

Para atingir elevados níveis de desempenho organizacional e humano, e assim apresentar o que chamamos de Cultura de Alta Performance, uma empresa precisa estar atenta a sete pontos fundamentais:

1) Liderança
2) Alinhamento aos Valores e à Cultura Organizacional
3) Objetivos bem definidos 
4) Métricas e Indicadores bem definidos
5) Execução
6) Planejamento e Capacitação da Força de Trabalho
7) Meritocracia

Neste artigo abordaremos o quarto deles, as Métricas e Indicadores bem definidos.




Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

Cultura de Alta Performance – Parte 3: Objetivos Organizacionais bem definidos


Para atingir elevados níveis de desempenho organizacional e humano, e assim apresentar o que chamamos de Cultura de Alta Performance, uma empresa precisa estar atenta a sete pontos fundamentais:

1) Liderança
2) Alinhamento aos Valores e à Cultura Organizacional
3) Objetivos bem definidos 
4) Métricas e Indicadores bem definidos
5) Execução
6) Planejamento e Capacitação da Força de Trabalho
7) Meritocracia

Neste artigo abordaremos o terceiro deles, os Objetivos bem definidos.





Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter