Cultura de Alta Performance – Parte 6: Planejamento e Capacitação da Força de Trabalho


Para atingir elevados níveis de desempenho organizacional e humano, e assim apresentar o que chamamos de Cultura de Alta Performance, uma empresa precisa estar atenta a sete pontos fundamentais:

1) Liderança
2) Alinhamento aos Valores e à Cultura Organizacional
3) Objetivos bem definidos 
4) Métricas e Indicadores bem definidos
5) Execução
6) Planejamento e Capacitação da Força de Trabalho
7) Meritocracia

Neste artigo abordaremos o sexto ponto, o Planejamento e Capacitação da Força de Trabalho.





Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

Cultura de Alta Performance – Parte 5: Execução


Para atingir elevados níveis de desempenho organizacional e humano, e assim apresentar o que chamamos de Cultura de Alta Performance, uma empresa precisa estar atenta a sete pontos fundamentais:

1) Liderança
2) Alinhamento aos Valores e à Cultura Organizacional
3) Objetivos bem definidos 
4) Métricas e Indicadores bem definidos
5) Execução
6) Planejamento e Capacitação da Força de Trabalho
7) Meritocracia

Neste artigo abordaremos o quinto deles, a Execução.





Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

Cultura de Alta Performance – Parte 4: Métricas e Indicadores bem definidos

Para atingir elevados níveis de desempenho organizacional e humano, e assim apresentar o que chamamos de Cultura de Alta Performance, uma empresa precisa estar atenta a sete pontos fundamentais:

1) Liderança
2) Alinhamento aos Valores e à Cultura Organizacional
3) Objetivos bem definidos 
4) Métricas e Indicadores bem definidos
5) Execução
6) Planejamento e Capacitação da Força de Trabalho
7) Meritocracia

Neste artigo abordaremos o quarto deles, as Métricas e Indicadores bem definidos.




Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

Cultura de Alta Performance – Parte 3: Objetivos Organizacionais bem definidos


Para atingir elevados níveis de desempenho organizacional e humano, e assim apresentar o que chamamos de Cultura de Alta Performance, uma empresa precisa estar atenta a sete pontos fundamentais:

1) Liderança
2) Alinhamento aos Valores e à Cultura Organizacional
3) Objetivos bem definidos 
4) Métricas e Indicadores bem definidos
5) Execução
6) Planejamento e Capacitação da Força de Trabalho
7) Meritocracia

Neste artigo abordaremos o terceiro deles, os Objetivos bem definidos.





Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

Cultura de Alta Performance – Parte 2: Alinhamento aos Valores e à Cultura Organizacional


Para atingir elevados níveis de desempenho organizacional e humano, e assim apresentar o que chamamos de Cultura de Alta Performance, uma empresa precisa estar atenta a sete pontos fundamentais:

1) Liderança
2) Alinhamento aos Valores e à Cultura Organizacional
3) Objetivos bem definidos 
4) Métricas e Indicadores bem definidos
5) Execução
6) Planejamento e Capacitação da Força de Trabalho
7) Meritocracia

Neste artigo abordaremos o segundo ponto, o Alinhamento aos Valores e à Cultura Organizacional.





Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

Cultura de Alta Performance – Parte 1: Liderança


Para atingir elevados níveis de desempenho organizacional e humano, e assim apresentar o que chamamos de Cultura de Alta Performance, uma empresa precisa estar atenta a sete pontos fundamentais:

1) Liderança
2) Alinhamento aos Valores e à Cultura Organizacional
3) Objetivos bem definidos 
4) Métricas e Indicadores bem definidos
5) Execução
6) Planejamento e Capacitação da Força de Trabalho
7) Meritocracia

Neste artigo abordaremos o primeiro deles, a Liderança.





Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

Anuário Learning & Performance Brasil 2014/2015 já está disponível para download


Já está disponível para download a nova edição do Anuário Learning & Performance Brasil 2014/2015, com um resumo de tudo o que aconteceu no Congresso Learning & Performance Brasil, que teve como Patronesse, Chieko Aoki, fundadora e Presidente da Blue Tree Hotels.

Vocês encontrarão exemplos de organizações que já se beneficiam com a aplicação da arquitetura da Universidade Corporativa Ampliada para otimizar seus investimentos em desenvolvimento de pessoas e potencializar os resultados esperados pelos seus acionistas. O anuário é a fonte mais rica em informações das práticas de e-Learning e Alta Performance no país. 




Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

eBook do Prêmio Learning & Performance Brasil – Edição 2014/2015 é disponibilizado para download


Você já pode fazer o download o e-Book do Prêmio Learning & Performance Brasil – Gestão de Performance e Desenvolvimento de Talentos – Melhores práticas, na prática, Edição 2014/2015.

O eBook, que teve como coordenadores Augusto de Faria Gaspar, Francisco Antonio Soeltl e Milka Musulin Soeltl, foi elaborado com o objetivo de estimular o processo contínuo na busca da Alta Performance, apresentando cases de sucesso e as melhores práticas utilizadas. 




Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

Learning & Performance Brasil apresenta novo logotipo


A comunidade do Portal Learning & Performance Brasil, primeira mídia digital vertical brasileira com foco em informações sobre a prática do Aprendizado e Performance, ganhou um novo logotipo.

“A renovação do logotipo buscou deixá-lo com um aspecto mais moderno”, disse Francisco Antonio Soeltl, presidente da Comunidade Learning & Performance Brasil e da MicroPower.




Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter

MicroPower é novamente reconhecida entre os “300 Melhores Fornecedores para RH 2015”


No último dia 24 de outubro, a MicroPower participou mais uma vez da premiação dos “300 Melhores Fornecedores para RH”. O evento é organizado anualmente pela "Revista Gestão & RH" e foi realizado no Auditório da Universidade Anhembi Morumbi, em São Paulo.

A pesquisa, que dá origem à premiação, é feita com os gestores de pessoas das Maiores Empresas Brasileiras e tem como objetivo valorizar o trabalho das empresas fornecedoras de produtos ou serviços para o departamento de RH e avaliar as práticas direcionadas aos clientes nas áreas de: Benefícios, Talentos, Tecnologia para RH, Gestão do Negócio e Facilities & Services. A metodologia se baseia em análises quantitativas e qualitativas.




Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter