Blended Learning

Há diferentes maneiras de combinar as atividades presenciais e a distância, lembre-se disso antes de elaborar o projeto de seu próximo treinamento

O Blended Learning, também conhecido como aprendizado híbrido ou solução mista, designa a forma de aprendizado em que os cursos são ministrados por meio da fusão de ensino a distância e presencial. Ele só foi possível graças ao avanço das tecnologias digitais de informação e comunicação, que proporcionaram a colaboradores e instrutores, entre outras vantagens, mais flexibilidade e autonomia. 



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Google+

AnimAção no aprendizado

Vamos criar ações animadas que estejam no WhatsApp, no Facebook, nos jogos, ou seja, nas mãos e na mente do nosso público

Entre os vários desafios do desenvolvimento das pessoas está a AnimaAção, ou seja, animar as ações, dar vida aos conteúdos de forma que gere entusiasmo e engajamento no aprendizado seja presencial ou online



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Google+

A estrutura do e-Learning moderno

Familiarize-se com a nova anatomia do e-Learning

É natural que o modelo dos treinamentos evolua para atender às necessidades das novas gerações que chegam ao mercado de trabalho. Recentemente, fizemos um post sobre a importância de compreender as características da Geração Y para propor treinamentos mais atrativos e efetivos para esse público, que é muito diferente dos Baby Boomers ou dos profissionais da Geração X.



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Google+

e-Learning: como descrever objetivos em treinamentos

Os objetivos devem ter como foco o colaborador e não o instrutor de treinamento

O que você quer de seus colaboradores? O que você pretende que eles realizem ou conquistem (mudanças, melhorias, habilidades) a partir de seus treinamentos? As respostas para essas perguntas conduzirão os objetivos de seus treinamentos e pouparão tanto a perda de tempo quanto a de energia.



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Google+

Treinamentos para a geração Y

Informações que o profissional de treinamento deve ter em mente ao elaborar cursos para jovens talentos

Os jovens talentos ou profissionais da geração Y (nascidos após 1980) estão mais do que acostumados com as novas tecnologias. Eles praticamente nasceram nesse ambiente high tech. A primeira palavra que disseram provavelmente nem foi papai ou mamãe, mas sim Wi-Fi

Brincadeiras à parte, essa geração acostumada a mexer com gadgets (dispositivos eletrônicos portáteis), blogs, vídeos, redes sociais e games, chega ao mercado de trabalho sem receio dos desafios; considerando suas atividades como verdadeiras fontes de satisfação e aprendizado. 




Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Google+

Solução Educacional: o que é preciso para chegar lá?

Muitas ainda definem as estratégias de suas capacitações sem uma base sólida para a tomada de decisão

Apesar de diversas empresas terem evoluído e amadurecido seu processo de LNT, muitas ainda definem as estratégias de suas capacitações sem uma base sólida para a tomada de decisão. Geralmente o formato é definido de acordo com a urgência, "modinha" do momento ou até mesmo gosto pessoal de quem demanda. No entanto, para chegar à melhor decisão e fazer um investimento assertivo é preciso levar em consideração uma série de informações. Confira algumas delas!



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Google+

e-Learning: entenda o que você está fazendo de errado

Aprenda com todas as experiências e fique de olho no que pode ser aprimorado para a criação de seu próximo projeto

O desenvolvimento do primeiro curso em formato e-Learning ninguém esquece. Não se sabe ao certo por onde começar, que tipo de informação levantar. À medida que criamos novos materiais, tudo fica mais simples. Sabemos o que emplaca, a melhor linguagem a ser usada, quais elementos audiovisuais mais interessam à audiência. Entendemos, principalmente, que não basta contar com excelentes ferramentas de treinamento, é preciso aplicá-las de maneira correta, de acordo com a necessidade do negócio e do time. 

Aprendemos muito com a observação de erros passados (dos nossos e com os dos colegas da área). A troca de experiências é muito importante para qualquer profissional de treinamento. Dessa forma, transmitimos a você algumas experiências que devem ser abolidas de seus próximos projetos. Atente-se a elas e avance algumas casas no tabuleiro da alta performance sem correr o risco de colocar tudo a perder.




Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Google+

e-Learning: como trabalhar com fóruns

Os fóruns melhoram a experiência de aprendizado porque estimulam a participação ativa do time

De acordo com estimativa da Organização das Nações Unidas (ONU), a internet chegará a 3,2 bi de usuários até o fim de 2015. Cada vez mais, as pessoas têm necessidade de se manterem conectadas, informadas, seja por portais de notícia, seja por redes sociais. E esse pode ser um grande gancho para o profissional de treinamento e desenvolvimento. Sabe como? Você pode aproveitar a oportunidade para envolver seus colaboradores e engajá-los a participar de seus treinamentos.



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Google+

e-Learning: instigue a curiosidade de sua audiência com teasers

Aposte em teasers para conquistar audiência para seus treinamentos

Você trabalhou durante dias para que o conteúdo de um curso e-Learning estivesse 100%. Pensou nos objetivos do aprendizado, naquilo que gostaria estimular em seus colaboradores, em imagens, recursos de mídia, personagens e até nos melhores tipos de letras e cores para criar algo customizado e ter sucesso em sua estratégia.

Acha que isso é suficiente para fisgar a atenção da audiência? Digamos que seja “meio caminho andado”. Assim que entrar em contato com a introdução de seu treinamento, o colaborador irá pensar em algumas perguntas:

  • Será mesmo que esse curso é indicado para mim?
  • Ele irá ajudar a esclarecer tudo aquilo que necessito?
  • A forma como o conteúdo será apresentado é interessante?
  • Com quanto tempo de curso começarei a cochilar?



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Google+

Transforme o aprendizado em algo divertido

Aposte em jogos para transmitir conhecimento e promover mudanças de comportamento

Independente de idade, formação, atividade, qualquer pessoa gosta de brincar ou jogar. Seja em um simples jogo de tabuleiro, seja no game mais high tech, a emoção do desafio, os novos caminhos em busca de soluções e as metas nos fazem experimentar uma nova maneira de aprender – explorando o sistema a fim de vencê-lo. 



Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Google+