Eu tenho um sonho: Tin Can API

O compartilhamento do aprendizado de muitos para muitos

Desde a primeira versão do SCORM, lançada no ano 2000, acreditamos no padrão mundial de desenvolvimento de cursos online. Era um sonho ter cursos que pudessem utilizar plataformas diferentes no mundo inteiro com a mesma linguagem, até hoje esse sonho persiste. Apesar da promessa, quem já tentou migrar de plataforma sabe que as coisas não são tão simples. Na ADL (órgão regulamentador), você encontra a MicroPower entre as pouquíssimas empresas certificadas, mas quase ninguém lembra disso na contratação ou na implantação de uma universidade corporativa.

Em 2001, vieram as versões 1.1 (outra frustação) e a versão 1.2, que melhorou muito e até hoje é o padrão de mercado. Em 2004, lançaram a versão 1.3 ou 2004, que até hoje não vingou em termos de aceitação, apesar das significativas melhorias.

Em 2013, o sonho continua: lançaram o Tin Can API ou API Experience, conhecido como a evolução do padrão SCORM, um novo patamar que dever ser compatível com muitas tecnologias; funciona online e off-line. Permite o compartilhamento de 1 para 1, 1 para muitos e muitos para muitos, ou seja, eu e meus amigos, a empresa e eu e de empresa para empresa. Em uma era repleta de tecnologias sociais colaborativas e intensa participação, é sem dúvida uma solução, certo?
    
Talvez eu seja um pouco cético, provavelmente, em função de mais de uma década de desenvolvimento. Esse sonho Tin Can API precisa de um LRS que pode ou não trabalhar com um LMS – que nada mais são que um repositório de dados e um repositório e gerenciador de dados, respectivamente. Para ajudar na disseminação existe um site, com muita informação e muita gente disposta a fazer esse sonho se realizar, mas na prática, é uma solução conduzida por comunidades em plena construção. Com aproximadamente dois anos de existência, o Tin Can pode ser uma opção precipitada para projetos sem margem de erro, por isso, sugiro à vanguarda que compartilhe suas experiências para fortalecer e acelerar seu crescimento.

O conceito é fantástico! A aprendizagem social entre indivíduos, ou seja, com conceitos partindo não somente do "veículo empresa" para seus colaboradores, mas de pessoa para pessoa – dos colegas de equipe para profissionais de outras áreas e até de fora da organização. Exatamente: temos a possibilidade de criar nossos próprios eventos, compartilhá-los, recebê-los de colegas, da empresa onde trabalhamos ou de instituições globais em qualquer dispositivo – smartphones, desktops, notebooks, tablets, entre outros. Tudo isso, sem a necessidade de estar 100% do tempo conectado. Esse é o presente/futuro, por isso, eu ainda tenho um sonho e quero realizá-lo em breve...

Você já pensou no Tin Can API e no Gamification juntos?   

Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter
Loading