Como capacitar o setor de Telecom

A capacitação adequada transforma os investimentos em produtividade 

As mudanças no ambiente de telecomunicações geram necessidades de adaptação nas estratégias empresariais a todo momento, como, por exemplo, a capacidade de criar um diferencial competitivo que permita uma visão e estabilidade a longo prazo sobre a concorrência. 

O aparelho de telefone que antes fazia apenas ligações, hoje acessa a internet, pode ser usado para trabalhar, fazer compras, pagar contas, ouvir músicas, assistir filmes e até mesmo estudar.

Ou seja, em um momento onde a busca pela inovação e pela evolução dos serviços oferecidos são esses grandes diferenciais competitivos, já que as necessidades dos Clientes estão mudando com o passar do tempo, a capacitação dos colaboradores precisa acontecer com a mesma velocidade e com a mesma dinâmica do mercado.

Invista na educação continuada 
Segundo dados da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), o Brasil registrou um total de 235.076.217 linhas de telefonia móvel no mês de junho de 2018. De acordo com a Agência, São Paulo continua sendo o estado com o maior número de linhas móveis do país, com mais de 62 milhões de usuários; seguido por Minas Gerais com mais 22 milhões e Rio de Janeiro com mais 20 milhões.  

Ainda de acordo com a Agência, estamos na era da indústria 4.0 composta por sistemas cibernéticos, internet das coisas, redes e inteligência artificial.  A estimativa é que até 2025 existam 1,3 bilhão de conexões 5G pelo mundo, desse total, 268 milhões serão de conexões 5G na região das Américas. Com isso, serão gerados 2,4 milhões de novos empregos, sendo necessários $ 114 bilhões de investimento público. A previsão é que até 2030 existam 1 trilhão de dispositivos conectados.

Ou seja, é um mercado que demanda investimento e em constante crescimento.  Para que novos lançamentos, serviços e soluções sejam ofertados de maneira assertiva, é necessário que as organizações invistam em processo de aprendizagem continuo, onde o colaborador sempre terá aonde recorrer e aperfeiçoar seus conhecimentos. 

Capacitar os colaboradores e parceiros de negócio de toda a sua rede, não somente em produtos, ofertas de serviços e processos, mas também garantir a argumentação adequada para fortalecer a marca e os benefícios que o Cliente adquire ao se relacionar com a empresa, é essencial no mercado competitivo atual. 

São várias as questões que impulsionam o investimento em educação corporativa online e continuarão demandando uma adequação cada vez mais alinhada ao processo de capacitação, tais como: 

  • A capilaridade com que os canais de venda estão espalhados por todo o território nacional; 
  • A força de vendas composta por terceiros (Franquias) e colaboradores próprios;
  • Especificidade de novos produtos, serviços, processos e sistemas necessários para o desempenho da força de vendas e atendimento; 
  • O volume de ações de treinamento; 
  • Tendências de mercado;
  • Maior capacidade na realização de tarefas;
  • Maior alinhamento dos colaboradores com a missão, valores e objetivos da empresa;
  • Aumento da satisfação de clientes;
  • Redução de custos a médio e longo prazos;
  • Mais engajamento;
  • Maior produtividade;
  • Retenção de talentos.
Qual metodologia investir? 

Cada caso é um caso. Tudo depende da expectativa, a médio e a longo prazo, de sua organização e qual o público-alvo ela pretende atingir com a aprendizagem online.

Hoje o grande desafio é treinar a força de vendas, público jovem, com uma metodologia que atraia a atenção e facilite a absorção do conhecimento. Por meio de uma metodologia baseada na gamificação, por exemplo, e foco na venda de dados, smartphones e tablets, conhecimento dos sistemas operacionais, principais aplicativos, além de planos e ofertas, muitos profissionais podem ser treinados e em todas as regiões do país. 

O treinamento direciona o vendedor a entender o perfil do cliente, seus desejos e necessidades de maneira mais profunda para tornar o atendimento no ponto de venda ainda mais completa. Com essa estratégia o treinamento é capaz de romper barreiras físicas e, ao mesmo tempo, levar conteúdos essenciais e que amplie a visão do vendedor para as diversas possibilidades atuais no momento da venda, tornando-o mais assertivo. 

Aqui na MicroPower, sua organização contará com: soluções personalizadas e sob medida, a expertise de uma equipe multidisciplinar e ferramentas de análise, desenvolvimento e aplicação que irão potencializar e facilitar o processo de aprendizagem e Alta Performance do aluno. São profissionais preparados para desenvolver, por exemplo, sua estratégia de gamificação através de processos de design instrucional, produção e programação de cursos, trilhas de aprendizagem e a governança dos resultados.

Durante o Congresso Learning & Performance Brasil 2017-2018, Clientes do setor de Telecom da MicroPower, compartilharam suas experiências em  EaD e como estão aplicando estratégias de gamification em suas plataformas de LMS.

As Organizações dividiram com o público suas iniciativas e seus resultados nessa área, para ajudar a desenvolver melhores práticas de engajamento de Colaboradores nos treinamentos e, consequentemente, melhorar a performance organizacional. Confira a cobertura da sessão na Integra. 

Quer saber mais? Entre em contato com nossos especialistas e conheça todas as nossas soluções.

Confira abaixo o depoimento de Nadiane Sobral, Coordenadora de Conteúdos da Claro Brasil sobre a parceria com a MicroPower e a criação de objetos educacionais, com foco em treinamento de sistemas, levando em conta as melhores práticas do mercado.:

Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Google+
Os comentários estão fechados